A divulgação do Ubuntu é fundamental para o crescimento do sistema

É perceptível de acordo com o tempo devido a quantidade de informações que a internet dispõem que o número de usuários de sistemas Linux vem crescendo de forma muito boa, com a divulgação nas mídias e a expansão do Ubuntu para celulares por exemplo, porém ainda há a sensação de que poderia ser melhor e maior.

Infelizmente como já comentado aqui no blog, muitas pessoas tem medo do Ubuntu por causa dos seus antigos mitos e que há muito já foram ajustados. Para poder mudar esse cenário é importante a divulgação.

Por que estou tocando nesse ponto?

Tenho um amigo que nunca demonstrou interesse no sistema, e em uma visita dele falei para pesquisar algumas coisas na internet e deixei meu Ubuntu aberto, sem qualquer instrução foi tranquilo a utilização do sistema, seja procurando arquivos via Unity ou abertura de programas e jogos. Ele ficou fascinado pela agilidade do sistema, saber que não há necessidade de anti-vírus ou desfragmentação de disco, não imaginava que era tão simples.

O ponto em questão é: “Enquanto as pessoas não experimentarem e verem realmente como funciona o Ubuntu, não haverá interesse”. É que nem aquela matéria na escola/faculdade que já ouvimos falar, podemos até precisar, porém enquanto não for obrigatório, deixa de lado e segue a vida.

Assunto indicado:  Déjà Dup

O Ubuntu percebeu esse detalhe e por isso foi criado o tour. Claro que lá é um exemplo bem simples do que realmente o sistema é, além do poderoso terminal, mas fica claro que o Unity trouxe facilidades melhores que muitos outros gerenciadores de arquivos, como por exemplo no Windows com sua barra de iniciar e seu sistema de procura de arquivos que é um pouco ruim.

Precisamos de maior divulgação do Ubuntu. Em eventos de cultura open source há oficinas para que seja instalado distribuições Linux para quem quiser, em dual boot para que não danifique o sistema anterior. Basta um pouco de força de vontade e paciência que o sistema irá crescer, e quanto mais usuários tiver, melhor serão as soluções desenvolvidas para a plataforma, visto como empresas de placas de vídeo e a Steam, por exemplo.

Assunto indicado:  Instalando o FeedIndicator no Ubuntu

Gostaria de saber histórias de vocês e experiências de pessoas das quais ajudaram a migrar para o Ubuntu, e também desejo que ajude outras pessoas que tem interesse no sistema a instalar, basta um pendrive e boa vontade em 2 horas que fará uma enorme diferença na vida do outro.